dia internacional da mulher

O Dia 08 de Março – Dia Internacional da Mulher está chegando e nós do site Casadaptada não poderiámos nos esquecer de homenagear as mulheres com deficiência. “No Brasil, mulheres com deficiência correspondem a 13,53% dos 45,6 milhões de brasileiros com alguma deficiência, de acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE – 2010)”. (http://inclusivass.blogspot.com.br/p/documentos.html).

Ou seja, são aproximadamente 7 milhões de mulheres com algum tipo de deficiência, que além de enfrentarem diariamente a falta de acessibilidade, também enfrentam discriminação em razão da idade, da classe socioeconômica, da orientação sexual, de etnia e religião.

Entretanto, apesar das adversidades cada vez mais encontramos mulheres com deficiência estudando, se divertindo, namorando, viajando, trabalhando, sendo mãe. Ou seja, para essas mulheres as “limitações” não se constituem em razão para elas ficarem paradas no tempo e no espaço.

E por isso, resolvemos entrevistar vocês.

Mulheres que não vivem aguardando por um futuro, que não vivem de expectativas e promessas. O futuro para elas é o aqui e o agora e, por isso, elas se identificam muito bem como nossas leitoras, que ao entrarem n nosso Casadaptada buscam amizades, diversão, informação e motivação.

Nosso objetivo será, a partir das entrevistas, falar sobre beleza, educação, mercado de trabalho, saúde, sexualidade entre outras questões dando visibilidade e dizibilidade para acontecimentos que normalmente passam desapercebidos. Para isso, estamos enviando esse questionário. Caso você aceite pedimos que envie o questionário abaixo respondido, ate o dia 23/02/2015, com 05 fotografias, para o e-mail [email protected] e com cópia para o meu: [email protected]

  • Qual seu nome? Onde e quando nasceu?
  • Qual a sua deficiência? Desde quando você tem essa deficiência?
  • Como foi sua infância e adolescência?
  • Qual seu nível de instrução escolar? Fale um pouco de como foi sua vida escolar e acadêmica?
  • Qual a sua profissão? Desde quando trabalha? Onde você trabalha? Como se deu sua entrada no mercado de trabalho?  Como é sua relação com os demais colegas de trabalho? Enfrentou ou enfrenta dificuldades no trabalho ou no mercado de trabalho? Quais?
  • Para você como é ser mulher com deficiência num país, cujo padrão de beleza é o da barbie ( que é ser magra, alta, peituda, saudável, jovem, loira e ter um corpo “perfeito”)? Você acredita que as pessoas te veem a partir da maneira como você se sente e se percebe? E como você cuida da sua beleza? Enfrenta ou já enfrentou alguma dificuldade para ter acesso a salões de beleza, clínicas de estética etc? Quais?
  • E quando o assunto é a sexualidade das mulheres com deficiência, ainda existem muitos empecilhos? Quais? Como esses empecilhos podem ser desfeitos?
  • No tocante a saúde da mulher com deficiência, os consultórios ginecológicos estão preparados para nos receber? Você enfrenta ou já enfrentou alguma dificuldade para fazer consultas ou exames ginecológicos? Quais?
  • Que recado você deixa para nossos gestores e para a sociedade em geral, incluindo os que visitam a Casadaptada?