Buraco do Padre alterou sua trilha principal, permitindo que cadeirantes e pessoas com dificuldade de locomoção cheguem à furna
 
Cachoeira da furna Buraco do Padre, no distrito de Itaiacoca, em Ponta Grossa — a 100 quilômetros de Curitiba. Foto: Divulgação
Cachoeira da furna Buraco do Padre, no distrito de Itaiacoca, em Ponta Grossa — a 100 quilômetros de Curitiba. Foto: Divulgação
 
Por Rafael Costa
 
A furna Buraco do Padre, em Ponta Grossa (PR), reabre nesta quinta-feira (3) com sua principal trilha readequada para pessoas com necessidades especiais (PNE) e com dificuldade de locomoção.
 
O ponto turístico, a cerca de 100 quilômetros de Curitiba, estava fechado para visitação desde o dia 12 de junho.
 
A administração trocou o cascalho de alguns trechos da trilha e alterou as passarelas de madeira para permitir que cadeirantes e idosos cheguem até o interior da furna, conforme explicou ao Viver Bem a gerente operacional do Buraco do Padre, Priscila Scheffer.
 
“Recebíamos muitos idosos, em excursões, que não conseguiam chegar até a boca da cachoeira. [Após a readequação], fizemos testes com idosos e cadeirantes e todo mundo conseguiu completar a trilha”, conta.
 
                    O visitante Noel Kostiurezko foi o primeiro cadeirante a completar a trilha, a convite da gerência do Buraco do Padre. Foto: Acervo pessoal
O visitante Noel Kostiurezko foi o primeiro cadeirante a completar a trilha, a convite da gerência do Buraco do Padre. Na avaliação dele, a trilha exige cuidados especiais, habilidades e resistência, e é recomendado um acompanhante para ajudar no trajeto. Foto: Acervo pessoal
 
Outras mudanças
 
Além da readequação da trilha principal do Buraco do Padre, foi aberta uma segunda trilha — batizada de trilha do Favo, em referência à pedra de escalada homônima nas proximidades. A trilha vai até o topo da cachoeira e permite ver a furna de cima.
 
A nova trilha, considerada de nível média de dificuldade, tem pontos que exigem cuidados e não é aconselhada para crianças nem pessoas com dificuldades de locomoção.
 
O parque do Buraco do Padre. Foto: Divulgação
O parque do Buraco do Padre. Foto: Divulgação
 
Os valores de entrada do Buraco do Padre passam a ser de R$ 16 e R$ 8 (meia-entrada). A bilheteria do local também passou a aceitar cartão de débito como opção de pagamento. No fim de agosto, um novo site da furna permitirá comprar ingressos pela internet.
 
O Buraco do Padre começou a ter cobrança na entrada em 2015. Segundo a gerente operacional, todo o lucro obtido com a venda de ingressos é revertida em melhorias para a estrutura de visitação. A manutenção da furna é realizada pela Águia Florestal, empresa mantenedora do ponto turístico.
 
De acordo com a administração, o local recebe até 2 mil visitantes por mês em períodos de alta temporada.
 
Buraco do Padre — serviço
 
Acesso pela Rodovia do Talco, PR 513, km 14 — Distrito de Itaiacoca — Ponta Grossa. De quinta a domingo e feriados, das 9h às 17h (a saída é obrigatória até às 19h). R$ 16 e R$ 8 (meia-entrada). Mais informações: (42) 3220-2677 e      www.aguiaflorestal.com.br/buracodopadre.
 
GOSTOU? COMENTE! SEU COMENTÁRIO É MUITO IMPORTANTE PRA NÓS COMPARTILHE E ESPALHE A INCLUSÃO!

NEWSLETTER-730